(11) 2337-5030 (11) 94792-6441

Detetive Luciana explica para a Revista ISTOÉ sobre GPS e aplicativo “espião” para celulares

Veja a matéria completa clicando aqui.

Tecnologia ajuda na espionagem

Uma peça fundamental entre os equipamentos dos detetives é o mini-GPS magnético colado nos carros. Por meio dele é possível acompanhar em tempo real a circulação do carro onde estiver instalado o aparelho. A caixinha cabe na palma da mão. ISTOÉ testou este equipamento e ele funciona como prometido.

Esse equipamento, porém, perde seu uso quando o vigiado não usa seu automóvel. “Muitas pessoas deixam os próprios carros nos shoppings, ruas ou estacionamentos e partem para os encontros de Uber ou táxi”, revela a detetive Luciana Leonel.

“Por isso, é mais certeiro rastrear pelo celular. Esse não falha. Só se a pessoa deixá-lo no veículo”, completa. Em alguns casos, detetives particulares aplicam a tática mais tradicional de usar motos para seguir o vigiado.

Uma peça fundamental entre os equipamentos dos detetives é o mini-GPS magnético colado nos carros. Por meio dele é possível acompanhar em tempo real a circulação do carro onde estiver instalado o aparelho. A caixinha cabe na palma da mão. ISTOÉ testou este equipamento e ele funciona como prometido.

Detetive Luciana Leonel diz que rastreamento pelo celular é mais eficaz
Detetive Luciana Leonel diz que rastreamento pelo celular é mais eficaz (Crédito:Alan Rodrigues)

Fale Conosco

Nome

E-mail

Assunto

Mensagem