o que precisa para ser detetive particular

O que precisa para ser detetive particular? O universo investigativo, tomou conta do enredo de diversas séries e filmes pelas principais plataformas de streaming que temos hoje. E isso se dá ao fato de gerar muita curiosidade sobre essa profissão que encanta muita gente.

Aliás, quem nunca bancou o detetive quando era criança com seus amigos? Isso já é algo que muitas pessoas têm curiosidade desde a infância. Porém, é importante entendermos que quando saímos da ficção, a profissão de detetive particular existe e ajuda muitas pessoas pelo mundo afora, a resolver problemas investigativos a quais sozinhas, não conseguiriam.

Portanto, hoje, vamos falar um pouco mais sobre esse mundo investigativo e te contar o que precisa para ser detetive particular, quem sabe você não tem o dom e pode se tornar um grande profissional desta área futuramente?

O primeiro passo é entender o que um detetive faz no seu dia a dia

O detetive particular é o profissional responsável por investigar alguma situação específica em busca de uma solução para este caso. Sendo que ele pode trabalhar para organizações com fins empresariais ou para indivíduos que procurem por este tipo de serviço, geralmente com casos familiares, por exemplo.

Esse profissional está também, sempre buscando o que se tem de mais tecnológico no mercado de investigação. Além de treinamentos de capacitações para poder estar sempre em evolução constante. Como a complexidade dos casos pode variar bastante, é importante que o detetive esteja sempre preparado para o caso que entrar.

Além disso, durante o dia a dia, esse profissional atua buscando pistas que se encaixem umas nas outras, desvendando um caso específico. Faz parte do trabalho de detetive particular, entrevistar pessoas, verificar informações passadas pelos contratantes, inclusive rastrear essas possíveis pistas iniciais, para dar início ao processo investigativo.

Os passos seguintes, após seguir as pistas iniciais é investigar o processo como um todo. Logo, o detetive particular entra em cena com seus equipamentos de alta tecnologia que vão ajudar no processo investigativo. Com o equipamento correto, o time de detetives alcançará resolução bem mais rápido do que se realizada de forma amadora.

Por fim, quando o detetive particular já desvendou o caso, é dever dele também, levar um relatório final com as principais pistas coletadas, além das evidências encontradas, de modo a comprovar a inocência do investigado ou a culpa do mesmo.

O que realmente precisa para ser detetive particular

Aqui você precisa primeiramente esquecer a ficção, as séries e filmes que passam por aí, não refletem a completa realidade de um detetive particular. Sabia que a lupa e traje xadrez não se usam mais? Pois é, já começamos por aí, é importante entendermos que essa profissão mudou bastante, e atualmente esse profissional atua com o auxílio da tecnologia.

Depois disso, você não precisa ter uma faculdade em uma universidade conceituada para ser um grande detetive particular. Mas é obrigatório você realizar um curso especializado nesta área em uma instituição certificada para você ter as autorizações para poder trabalhar nesta área.

Neste curso, você aprende a manipular equipamentos e obter algumas noções de comportamento. Além de adquirir técnicas investigativas para manter a discrição nos seus casos, algo muito importante para um caso investigativo.

Você também terá aulas de direito, para entender o que você pode ou não fazer. Pois, a profissão de detetive particular, apesar de ser regulamentada por lei, tem suas restrições. Logo essa profissão só pode ser exercida se o profissional atuar dentro da lei.

Portanto, vamos as principais atribuições para entender o que precisa para ser detetive particular além do processo inicial citado anteriormente.

Domine a tecnologia

Um bom detetive particular utiliza a tecnologia a seu favor. O mercado de investigação particular está repleto de equipamentos de alta tecnologia para auxiliar essa área. Logo, é necessário estar sempre atento ao que se tem de mais novo no mercado, esteja sempre pesquisando e buscando informações sobre isso.

Isso se deve, pois essas soluções vão ajudar o profissional a solucionar um caso de forma bem mais rápida e facilitam muito o decorrer da investigação.

Além de procurar novas tecnologias, é importante que o detetive saiba manusear esses equipamentos. Portanto, logo quando descobrir uma nova tecnologia tente se aperfeiçoar no manuseio daquele equipamento.

Alguns exemplos de tecnologias utilizadas por detetives particulares são: drones, rastreadores, câmeras de longo alcance entre outros.

Atue no anonimato e sempre de forma discreta

O bom detetive nunca é descoberto pelo investigado. Se esse profissional não atuar de forma discreta, pode comprometer o decorrer da investigação. Principalmente em casos conjugais, se o suspeito for descoberto, ele vai tomar muito mais cuidado com suas ações, não é mesmo? Além disso, pode gerar um desconforto na relação do suspeito com a pessoa contratante.

Além disso, você não pode sair por aí, falando para todo mundo que é um detetive particular, isso vai tirar o seu anonimato e pode tornar as investigações muito mais difíceis. O anonimato é um grande trunfo para um detetive particular de sucesso.

É importante ter um raciocínio lógico para ser detetive particular

Um detetive particular precisa ter um raciocínio lógico apurado, pois a investigação é como um quebra-cabeças, você precisa encaixar uma peça na outra para se chegar no resultado final. Essa habilidade, costuma ser adquirida na maioria das vezes no decorrer da vida. Porém jogos de raciocínio podem ajudar a estimular o raciocínio lógico.

Podemos chamar este conceito de feeling investigativo, é algo que todo detetive deve procurar ter, quando entrevista alguém ou encontra uma prova que às vezes ninguém valoriza, você vai saber onde essa fonte entrevistada ou essa pista encontrada pode se encaixar.

Resumindo, você precisa ter o olhar que as “pessoas comuns” não tem, e é justamente por isso que elas estão procurando por um detetive particular não é mesmo? Para ter um profissional atuando em prol dela.

Bom, ficou interessado por esta profissão? Está precisando de um serviço de investigação particular? Nós, da Detetive Luciana, trabalhamos todas as habilidades citadas neste artigo. Caso você tenha alguma dúvida do universo investigativo, só entrar em contato conosco, vai ser um prazer te ajudar com o seu caso.

Leitura recomendada: Diferenças Entre um Espião e um Detetive

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é cta-blog-2-700x137.png
Abrir conversa