(11) 2337-5030 (11) 94792-6441

O papel do detetive particular na investigação de adolescentes

Quando nossos filhos deixam de ser crianças e entram na adolescência eles passam por uma série de mudanças.

Essa fase transitória, que geralmente acontece entre os 13 e 17 anos, é muito significativa, pois é neste período que eles desenvolvem características físicas, psicológicas e sociais da vida adulta.

Essas transformações e descobertas acabam interferindo no comportamento e, automaticamente, na relação com os pais. Contudo, existem alterações de conduta que podem significar um problema mais sério.

É na adolescência que eles descobrem muitas coisas, sejam elas boas ou ruins. Na maioria das vezes, é neste momento que eles definem a opção sexual e têm o primeiro contato com bebidas alcoólicas e drogas.

Além disso, os jovens possuem uma necessidade de autoafirmação social. São inseguros, mas querem mostrar autonomia. Para isso, acabam cometendo muitos erros e fazendo escolhas erradas.

Esse comportamento pode ser um potencial inimigo, pois esses maus hábitos e vícios podem ser carregados para a vida adulta. Por isso, é importante o acompanhamento e atenção dos genitores.

O principal problema é que muitos não sabem como se aproximar dos filhos e, na tentativa de querer corrigir, acabam se afastando ainda mais.

Outro motivo para esse distanciamento é a acusação sem provas. Para evitar esse tipo de situação, contratar um investigador particular pode ser uma excelente solução.

Porque recorrer a um detetive particular?

O papel do agente não é apenas descobrir se o adolescente está usando drogas ou fazendo algo ilícito. O profissional tem como dever descobrir detalhes da rotina, observar com quem o jovem se relaciona e onde costuma frequentar.

É claro que se o uso de drogas for comprovado é essencial reunir provas, mas o papel da investigação particular vai além.

Acompanhando as atividades do adolescente, o detetive particular pode fornecer informações valiosas aos pais. Esses dados são essenciais para encontrar o melhor caminho para uma reaproximação e solução do problema.

Pais detetives

Quando os jovens estão usando drogas eles costumam apresentar mudanças no comportamento. Vale ressaltar, que essas variações de conduta não significam que de fato o seu filho está envolvido com algo ilegal, mas devem servir de alerta para os pais!

6 atitudes que podem servir de pistas para uma possível investigação:

  1. Escutar música e usar roupas que façam apologia à drogas;
  2. Envolvimento com brigas;
  3. Agressividade e nervosismo;
  4. Minimizar os efeitos do uso de drogas e álcool;
  5. Chegar em casa alcoolizado com frequência;
  6. Descuidar da aparência e hábitos de higiene.

Fale Conosco

Nome

E-mail

Assunto

Mensagem